Livro Didático Musical Percussão Catarina: instrumentos de percussão dos grupos folclóricos de Santa Catarina

Luciano da Silva Candemil
Rodrigo Gudin Paiva 

Esse artigo apresenta a trajetória da produção do Livro Didático Musical Percussão Catarina, um trabalho sobre a classificação organológica dos instrumentos de percussão utilizados pelos grupos folclóricos de Santa Catarina, na atualidade. Aborda o percurso da pesquisa, desde a investigação folclórica até os processos de compartilhamento de dados e de elaboração do material didático, incluindo a participação em editais de incentivo à cultura. O estudo foi iniciado em 2010, sendo desenvolvido por meio do Programa de Bolsas do Artigo 170/Governo do Estado de Santa Catarina/UNIVALI. A metodologia de pesquisa de campo foi realizada por meio da observação, registro manual e mecânico, inquérito e entrevista, conforme referencial teórico para o estudo contemporâneo do folclore, de acordo com a Carta do Folclore Brasileiro (1995). Para a classificação organológica foram utilizados a divisão clássica de Sachs e Hornbostel (1961), e o quadro classificatório proposto por Satomi (2008), que serviram de base para a organização dos instrumentos, sendo estes divididos em: membranofones, idiofones, cordofones e corpofones; e outras bibliografias de apoio: Biancardi (2006) e Frungillo (2003). A respeito do compartilhamento de dados, destaca-se a importância de disponibilizar nos dias atuais os conhecimentos obtidos durante a pesquisa, conforme Silva Filho (2006) e Agência FAPESP (2011). Apresenta o desenvolvimento de um blog, exposição itinerante, e das peças musicais que compõem o livro. Os estudos foram alicerçados em abordagens plurais, tendo como suporte materiais bibliográficos das áreas da Etnomusicologia, já citados acima, e da Educação Musical como: Queiroz (2010), Tourinho (1994), Gohn (2003), Boudler (1996) e Santos (2011). Constatou-se que existe uma ampla utilização de instrumentos de percussão por parte dos grupos folclóricos de Santa Catarina, demonstrando estarem enraizados em diversas etnias espalhadas pelo Estado, e que a produção de material didático contribui para dar mais visibilidade a estes agrupamentos, tendo em vista a carência de produções bibliográficas sobre o tema estudado.

******

Musical Didactic Book Percussão Catarina: percussion instruments of the folk groups of Santa Catarina

This paper presents the trajectory of the production of the Musical Didactic Book Percussão Catarina, a work on the organological classification of the percussion instruments used by the folkloric groups of Santa Catarina, at the present time. It covers the course of research, from folklore research to the processes of data sharing and elaboration of didactic material, including participation in cultural incentive laws. The study was initiated in 2010, being developed through the Scholarship Program of Article 170 / Government of the State of Santa Catarina / UNIVALI. The methodology of field research was performed through observation, manual and mechanical recording, survey and interview, according to the theoretical reference for the contemporary study of folklore, according to the Brazilian Folklore Charter (1995). The classical classification of Sachs and Hornbostel (1961) and the classification table proposed by Satomi (2008) were used for the organological classification, which served as the basis for the organization of the instruments, which are divided into: membranophones, idiophones, chordophones and bodyphones; and other supporting bibliographies: Biancardi (2006) and Frungillo (2003). Regarding data sharing, it is important to make available the knowledge obtained during the research, according to Silva Filho (2006) and Agência FAPESP (2011). It presents the development of a blog, traveling exhibition, and the musical pieces that make up the book. The studies were based on plural approaches, supported by bibliographical materials of the areas of Ethnomusicology, already mentioned above, and Musical Education as: Queiroz (2010), Tourinho (1994), Gohn (2003), Boudler (1996) and Santos (2011). It was verified that there is a wide use of percussion instruments by the folkloric groups of Santa Catarina, demonstrating that they are rooted in diverse ethnic groups scattered throughout the State, and that the production of didactic material contributes to give more visibility to these groupings, in view the lack of bibliographic productions on the subject studied.